Workshop de impressão botânica incentiva sustentabilidade na moda

Oficina realizada na Zona Sul integrou atividades da semana Fashion Revolution

Como parte do Fashion Revolution, um movimento de incentivo à sustentabilidade na moda em que ocorre no mundo inteiro na semana de 23 de abril, o Design de Moda da UniRitter promoveu, no dia 24/4, um workshop de impressão botânica no campus Zona Sul. A técnica utiliza corante natural para a pigmentação de tecidos sem que seja preciso retirar o extrato das plantas – é um método totalmente sustentável que beneficia o meio ambiente e o planeta.

A oficina foi ministrada por Isabela Bernardo e Tobias Costa, mãe e filho, que trabalham juntos no ateliê sustentável de Isabela em Florianópolis. Tobias é fotógrafo com foco em fotografia documental em aldeias indígenas. Isabela, desde pequena, teve contato com a moda – a família era de alfaiates e, em 1987, ela iniciou sua pesquisa na tecelagem. Tobias e Isabela viajaram para o Acre, Amazônia e Europa para conhecer e ampliar essas técnicas, e hoje promovem cursos em presídios, colégios públicos, universidades e no próprio ateliê. Eles já desenvolveram tecidos para marcas como Arezzo e até para o SPFW, que ocorre nesta semana juntamente com o Fashion Revolution.

“O objetivo é criar uma cadeia de moda mais sustentável através destes conhecimentos ancestrais. Estamos buscando esse resgate e democratização dessa técnica que, além de não poluente, é benéfica para nossa saúde”, disse Tobias em entrevista ao site da FACS. Isabela ainda ressaltou que a impressão botânica, ao contrário da moda não-sustentável, não polui rios e lençóis freáticos.

Este slideshow necessita de JavaScript.