Professor da FACS ministra palestra no Ministério Público

Francisco Amorim participou de reunião do Fórum Permanente de Prevenção à Venda e ao Consumo de Bebidas Alcoólicas

O professor da FACS Francisco Amorim debateu, na segunda-feira, o papel da imprensa na educação sobre drogas em evento que reuniu representantes do Ministério Público (MP), Brigada Militar (BM), Polícia Civil (PC) e de escolas públicas e particulares, além de especialistas das áreas de Educação e Psicologia. A palestra ocorreu na sede do MP, durante reunião do Fórum Permanente de Prevenção à Venda e ao Consumo de Bebidas Alcoólicas por Crianças e Adolescentes. “Jovens, consumo e prevenção: as representações sociais do álcool na mídia” foi o tema da apresentação de Amorim, que é mestre e doutor em Sociologia.

Durante uma hora e meia, ele abordou o álcool na estrutura familiar, a cultura do brinde, a trajetória que provocou a redução no uso do cigarro, a relação entre drogas lícitas e ilícitas e as correlações entre esses temas na maneira como a mídia trata o assunto, seja incentivando, coibindo ou se omitindo da discussão. Amorim ressaltou a diferença entre gerações de pais e filhos, que se reflete também nos conteúdos e plataformas acessados e a necessidade de compreender esses lugares de fala das crianças e dos adolescentes para que se possa, efetivamente, prevenir o consumo de álcool.

No mês passado, Amorim já havia participado de outros dois eventos como palestrante. No dia 3, falou sobre narcotráfico na América Latina no Conexões Fidedignas #7 – Drogas: mitos, tabus e prevenção, organizado pelo Instituto Fidedigna na Vila Flores, em Porto Alegre. Já no dia 12, discutiu o tema no II Ciclo de Debate Regional e Intersetorial – As drogas e suas múltiplas violências, promovido pela Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS) de São Leopoldo.