Campus Fapa: Festival das Profissões reúne alunos de escolas públicas e privadas

Estudantes do Ensino Médio participaram de oficinas organizadas por graduandos e professores da UniRitter

Na última quarta-feira (06/09), aconteceu no campus Fapa o Festival das Profissões 2017. O evento ocorre todos os anos com o objetivo de permitir que estudantes do Ensino Médio conheçam e tirem suas dúvidas sobre a universidade e o que pretendem cursar. Para isso, coordenadores, professores e alunos preparam oficinas e palestras a respeito de diversas áreas de graduação para os visitantes. Confira abaixo o resumo do que foi apresentado sobre cada curso:


ARQUITETURA E URBANISMO

Os professores Eduardo Pizzato e Fabio Bortoli prepararam duas oficinas: na primeira, os estudantes puderam confeccionar miniaturas de objetos-modelos. Na segunda, eles foram orientados a observar outros modelos pré-estruturados e depois desenhá-los à mão. Além das atividades práticas, que simularam as dinâmicas realizadas durante o curso, também teve uma pequena exposição de trabalhos feitos pelos graduandos. “Gostei muito dessas atividades, de poder construir maquetes e observar os trabalhos que estão expostos”, disse Julia Santos, do Colégio Santa Dorotéia.

Este slideshow necessita de JavaScript.


NEGÓCIOS | Administração, Relações Internacionais, Recursos Humanos e Marketing

O professor Pedro Brites ministrou uma oficina inspirada na série de game show norte-americana Shark Tank. Na dinâmica, os estudantes tiveram que se reunir em grupos, criar cada um uma proposta de investimento e defendê-la diante dos jurados. “É praticamente igual ao programa de televisão”, disse Homéro Motola, do Colégio Romano Senhor Bom Jesus. A professora Naiane Cossul propôs uma simulação da Conferência do Conselho de Segurança da ONU. Nessa atividade, os estudantes eram diplomatas representando os países das Nações Unidas em um debate sobre a Coreia do Norte. O momento também serviu para esclarecer dúvidas a respeito dos cursos. “Eu tenho interesse em cursar Relações Internacionais e achei legal poder participar e ver como o curso é realmente, mas eu não esperava que fosse assim, superou minhas expectativas”, disse Jeisa Bueno Melo, da Escola Técnica Estadual Parobé.

Este slideshow necessita de JavaScript.


TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO | Ciências da Computação e Design de Games

Organizada pelos professores Luan Carlos Nesi e Mosart Lemos Siqueira, a oficina sobre análise de desenvolvimento de sistemas apresentou um pouco de cada um dos cursos da área. Além de esclarecer dúvidas, os estudantes puderam testar jogos criados pelos graduandos e observar trabalhos realizados por eles, como a impressora 3D. “Ainda estou pesquisando, pra ver se é isso mesmo que eu quero, mas essa oficina está ótima”, disse Brenda Eduarda Soares da Escola Polivalente Presidente Kenedy, de Cachoeirinha.

Este slideshow necessita de JavaScript.


GASTRONOMIA

Os professores Etiene Hohannen e Moisés Basso prepararam uma oficina de decoração de mini bolos. Foi proposta uma competição, onde os estudantes deveriam fazer a melhor decoração que pudessem em um determinado tempo. Enquanto isso, os jurados passavam de mesa em mesa para escolher qual era o mais criativo. “Gostei bastante porque precisamos usar a criatividade”, disse Isabela Luz, do Colégio Leonardo da Vinci Beta.

Este slideshow necessita de JavaScript.


HISTÓRIA

O professor Marcello Paniz teve como objetivo mostrar aos estudantes como utilizamos jogos e atividades lúdicas como práticas pedagógicas em assuntos voltados para a área. Além de contar alguns detalhes sobre o dia a dia de um professor, Marcelo também mostrou para os alunos um pouco sobre outras funções que se pode exercer após concluir o curso de graduação. “Gostei bastante da oficina e da forma como o professor conduziu toda a atividade, deixando ela bem dinâmica”, disse Natacha Zanela, da Escola Visconde do Rio Branco.

Este slideshow necessita de JavaScript.


LETRAS 

Os professores Fabio Leal e Anelise Burmeister tiveram como objetivo apresentar aos estudantes algumas práticas da área. Uma atividade alusiva sobre música e literatura foi proposta durante a oficina, onde eles também puderam observar trabalhos realizados pelos graduandos. “Vim para a oficina de Letras apenas para acompanhar minha amiga, mas gostei muito de todas as atividades que tiveram aqui”, disse Larissa Simon, do Instituto Pró-Universidade Canoense.

Este slideshow necessita de JavaScript.


PEDAGOGIA

A professora Ana Cristina Souza Rangel propôs uma oficina de tangram (quebra-cabeças chinês formado por 7 peças) como forma de abordagem de ensino interdisciplinar. O objetivo foi mostrar aos estudantes uma das técnicas voltadas para a educação infantil. “Me interesso bastante por esse curso e gostei bastante da oficina. Superou minhas expectativas”, disse Laura Dorman, da Escola Santa Isabel.

Este slideshow necessita de JavaScript.


DESIGN | Design de Moda, Design de Produto e Design Gráfico

A oficina de Design de Moda ficou sob responsabilidade das professoras Tatiana Laschuk, Livia Meneses, Renata Pedron e Nicele Branda, que juntas prepararam dois desfiles. Os estudantes participaram dos bastidores e tiraram dúvidas. “Esse é o mundo que eu quero viver”, disse Rafaela Chaves, do Colégio Pastor Dohms. As oficinas de Design Gráfico e de Design de Produto ficaram sob responsabilidade da professora Lizandra Kunzler. Ela preparou uma colagem para trabalhar o conceito de identidade visual. “Eu achei que seria igual ao do ano passado, mas esse ano foi bem melhor, mais interativo”, disse Eduarda Gonçalves, do Colégio Espírito Santo. Também teve uma atividade na qual eles deveriam montar um banco de papelão em miniatura. “Eu vim participar dessa oficina pra ver se consigo decidir qual área eu realmente quero e estou adorando”, disse Francine Roiret, do Colégio São Luís.

Este slideshow necessita de JavaScript.


DIREITO

Os professores Marcelo Almeida Sant’Anna, Alessandra Russo e André Benck propuseram a simulação de um júri aos estudantes, para que eles pudessem participar ativamente do julgamento de um homicídio, representando diferentes funções. Além disso, os estudantes também assistiram a pequenas palestras explicativas sobre o que fazem os profissionais de cada área do Direito, como delegados, promotores e oficiais de Justiça. “Foi diferente do que eu esperava. Gostei muito de poder assistir uma simulação de julgamento”, disse Eduardo Vasareli, do Colégio Signodal Salvador.

Este slideshow necessita de JavaScript.


COMUNICAÇÃO | Jornalismo, Relações Públicas, Cinema e Publicidade e Propaganda

O professor Francisco Amorim ministrou uma palestra falando um pouco sobre cada um dos três cursos (Jornal, Foto e RP) e mostrando um pouco do funcionamento das câmeras fotográficas e do estúdio de fotografia. A área de Jornalismo contou também com a Rádio Experience, onde graduandos e professores comandaram a programação, estimulando a participação dos estudantes através de entrevistas ao vivo e de um espaço para tirar dúvidas. “Essa atividade me ajudou muito, pois pude tirar algumas dúvidas e ver que realmente quero cursar Fotografia. Ainda não descartei a possibilidade de fazer Jornalismo, que é minha segunda opção de curso”, disse Willian dos Santos, da Fundação Bradesco. As professoras Daniela Pereira e Camila Morales preparam uma pequena apresentação e uma atividade prática voltada para a área da Publicidade. Os estudantes tiveram que criar um vídeo publicitário que pretendesse vender uma determinada marca, escolhida por eles. A criatividade seria avaliada. “A parte mais teórica de apresentação dos cursos eu meio que já esperava, mas essa atividade prática me pegou totalmente de surpresa”, disse Matheus Jardins Santos, do Colégio La Salle São João.

Este slideshow necessita de JavaScript.


ENGENHARIA

Os professores Halston Mozetic (Engenharia Mecânica), Cristina Weber (Engenharia Química), Diego Pacheco (Engenharia de Produção), Ricardo Beker (Engenharia Elétrica), Luiz Finger (Engenharia Civil) e John Nurdig (Engenharia Ambiental) criaram uma linha de produção automotiva em miniatura com o objetivo de exemplificar o papel de cada um dos seis cursos. Os estudantes montaram carrinhos e puderam aprender sobre o funcionamento na prática. Além dessa atividade, eles também tiveram acesso a painéis explicativos e puderam observar modelos maiores do mesmo processo realizado anteriormente. “Eu realmente superei minhas expectativas. Esse lance de eu ter que construir o caminhãozinho me conquistou”, disse Davi de Oliveira Mendes, do Instituto Estadual Dom Diogo de Sousa.


CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

O professor Luiz Felipe Forgiarini preparou atividades explicativas que mostraram as diferentes áreas estudadas no curso. Os estudantes não tiveram atividade prática, mas puderam tirar dúvidas e conversar com os graduandos. A palestra agradou e despertou interesse. “Mesmo não sendo essa a área que eu pretendo, eu gostei muito dessa oficina e aprendi bastantes coisas aqui”, disse Gabriel Ratifh, do Colégio Espírito Santo.

Este slideshow necessita de JavaScript.


SAÚDE | Biomedicina, Psicologia, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia e Nutrição

Os professores Jesse Silveira, Virginia Lazzari, Roberto Damiani, Julia Poeta e Bruna Amorim prepararam atividades de coleta e análise do DNA de morangos, sessões de acupuntura, visualização de células sanguíneas em microscópio e também a preparação de uma máscara de ouro usada em procedimentos estéticos. O objetivo era ilustrar para tornar mais fácil a explicação e o entendimento dos estudantes. “Achei a oficina de Biomedicina incrível e sem dúvida me ajudou muito”, disse Melani Silveira, do Colégio João Paulo. As professoras Hericka Zogbi e Júlia Protas realizaram atividades mais explicativas, onde os estudantes tiveram espaço para esclarecer dúvidas. Para tornar tudo mais participativo e aumentar os interesses, as professoras fizeram um teste de orientação profissional, que, além de agradar, também surpreendeu alguns estudantes pela indicação de curso.

Os professores Tiago Paiva, Morgana Fernandes, Denise Greff e Thiago Silva prepararam atividades que simularam tarefas que são exercidas após a formação. Entre essas atividades estavam a simulação de parto e a simulação de um atendimento emergencial. Os estudantes, além de participarem das práticas, também tiveram a oportunidade de esclarecer dúvidas sobre as funções que um enfermeiro pode ou não exercer dentro de um hospital. “Eu achei muito produtivo, principalmente por poder conhecer algumas áreas da Enfermagem que eu não conhecia”, disse Thaiane Silveira. A oficina de Farmácia foi dividida em duas partes. A primeira abrangiu a área clínica e ficou sob responsabilidade do professor Michel Pinheiro dos Santos. Ele explicou as possibilidades de trabalho de um farmacêutico dentro de hospitais e falou sobre o contato direto com os pacientes.

A segunda parte, que foi coordenada pelos professores Fernando Cidade Torres, Tatiana Zen, Isabel Ferreira e Siomara Monteiro, foi totalmente voltada para a área de cosmetologia. Nessa parte, os estudantes puderam participar do processo de produção e envasamento de cremes, além de tirar dúvidas. “Depois de ter participado dessa oficina estou reavaliando e vou pensar direitinho sobre qual dos cursos vou fazer”, disse Giovana Milenosk, do Colégio Estadual Florinda Tubino Sampaio. Para os interessados em Fisioterapia, as professoras Micheli Biasibetti, Joelly Mahnic de Toledo e Patrícia Graef Vaz prepararam uma serie de atividades práticas e explicativas. Os estudantes participaram de sessões de eletro terapia, teste de reflexo, bandagens e treino de equilíbrio, realizando esses tratamentos uns nos outros.

Também houve esclarecimento de dúvidas e uma explicação sobre como a fisioterapia está inserida no ambiente hospitalar. “Estamos testando o equipamento chamado Tens. É muito interessante e serve para aliviar a dor”, disse Eduarda Neri Relfer, do Colégio Adventista Marechal Rondon. As professoras Rafaela Correa, Jaqueline Schaurich, Juliana Paludo, Karla Moresco e Dione Andrades, de Nutrição, preparam quatro oficinas: Avaliação Nutricional (diagnóstico dado pelo peso), Nutrição Esportiva (suplementos usados pelos atletas, como e por quais alimentos eles podem ser substituídos), Preparo de Sal e Ervas (combinação de temperos) e Alimentação Saudável. Todas as atividades foram práticas. “Não é a área que eu pretendo, mas acho que independente da área de atuação é sempre bom saber se alimentar corretamente”, disse Gabrieli Alves, da Escola Técnica Estadual Parobé.

Este slideshow necessita de JavaScript.


MEDICINA VETERINÁRIA

Com a coordenação da professora Wanessa Gianotti, foram apresentados os recursos utilizados no inicio do curso, como modelos anatômicos, aplicativos, sistema de projeção e de realidade aumentada, além de informações gerais. Os estudantes também puderam assistir a uma simulação de parto de vaca e aprender as complicações clínicas que podem afetar os equinos. “O que mais gostei foi que eles usaram modelos de tamanho real”, disse Ariele Lima Ferreira, da Escola Barbosa Rodrigues.

Este slideshow necessita de JavaScript.