Curso de Jornalismo cria grupo de jornalismo investigativo e de dados

Inscrições podem ser feitas até o dia 17 de agosto

Aprimorar as técnicas de apuração e análise de informações reunidas a partir de investigações jornalísticas guiadas por dados. Esse é o objeto principal do Grupo de Reportagem, Investigação e Dados (Grid), criado neste semestre pelo curso de Jornalismo. O projeto, sob comando do professor Francisco Amorim, em parceria com os professores Leandro Olegário, Matheus Felipe e Roberto Belmonte, estará, inicialmente, vinculado às disciplinas de Produção de Jornal e Jornalismo Digital.

O grupo formado por alunos do curso produzirá reportagens investigativas baseadas em quatro eixos: (1) responsabilidade social, inovação, economia solidária e criativa; (2) sustentabilidade, meio ambiente e saúde; (3) qualidade de vida e bem estar; e (4) direitos humanos, cidadania, diversidade e inclusão. As produções poderão ser veiculadas em publicações do curso, como o jornal Unipautas, a revista Dossiê e a Rádio UniRitter. Conforme Amorim, o trabalho se desenvolverá a partir de encontros semanais. As reuniões de pauta deverão ocorrer, de forma alternada, nos campi Fapa e Zona Sul, levando-se em consideração as apurações jornalísticas em andamento.

Os interessados devem se candidatar por meio de inscrição na seleção de monitores voluntários aberta até o dia 17/08. É necessário, também, enviar um breve currículo em documento do Word com experiência acadêmica (indicando semestre no curso, disciplinas cursadas, estágios e disponibilidade de horários para reuniões e saídas de campo para apuração) para o e-mail francisco.amorim@uniritter.edu.br até, impreterivelmente, o próximo dia 17.