Aulas de alemão e francês encerram a semana de atividades da International Week

Quarto dia do evento ensinou os idiomas de maneira diferenciada

A International Week encerrou o quarto dia de atividades com aulas de francês e alemão, voltadas para os alunos da UniRitter. Promovendo o aprendizado dos idiomas de uma forma dinâmica e descontraída, os cursos tiveram duração de uma hora e contaram com a presença de cerca de 25 alunos da instituição. Lideraram a atividade a diretora-adjunta da Aliança Francesa, Nathalie Camson, e o coordenador do International Office da UniRitter, Rodrigo Rodembusch.

Às 18h do dia 31 de agosto (quinta-feira), a sala 101 do Prédio C do campus Zona Sul recebeu Nathalie, que lecionou as aulas de francês. Nos primeiros minutos da lição, a professora apresentou-se utilizando a língua francesa e pediu que cada um dos quinze alunos fizesse o mesmo. Apesar de estarem receosos num primeiro momento, os estudantes esforçaram-se para repetir o que Nathalie falava em francês. O entrosamento da turma facilitou o aprendizado dos universitários e, aos poucos, eles realizaram a tarefa solicitada pela professora. Com o auxílio de imagens de artistas conhecidos como Beyoncé, Shakira e Maluma, Nathalie demonstrou como falar e perguntar a nacionalidade e a profissão em francês. Quando a turma não compreendia a instrução, a professora utilizava o quadro. Desenhando uma casa simples e escrevendo POA, ela ensinou que “Ja viens de Porto Alegre” significa “Eu vivo em Porto Alegre”.

Com bom humor, paciência e descontração, a diretora-adjunta da Aliança Francesa explicou como dizer o nome, a nacionalidade, a profissão, local da moradia e alguns números. Depois de uma hora de francês, a turma liberou a sala para que ela fosse ocupada por alunos da aula convencional. Nathalie reforçou a importância de aprender um idioma e afirmou que a aula de francês pôde mostrar aos universitários que adquirir conhecimento de outra língua é mais fácil do que aparenta. “O objetivo da aula era mostrar que o caminho não é tão trabalhoso como pode parecer”, finalizou.

Aluna de Jornalismo, Julyanne Bandeira participou da aula de francês e disse que se inscreveu no curso porque pretende aprofundar os conhecimentos no idioma e está planejando um intercâmbio. Julyanne frisou que o francês é um diferencial no currículo e que o curso trouxe benefícios para ela. “Além das horas complementares, aulas assim são uma oportunidade de conhecer outras culturas e idiomas sem sair dos muros da faculdade”, disse. Ao mesmo tempo que um grupo de alunos estava aprendendo francês com Nathalie, outros estudantes estavam na sala 103 do Prédio C, tendo contato com o idioma alemão.

Rodembusch iniciou a aula ensinando algumas frases básicas, como “entschuldigung”, “dankeschön” e “guten tag”. Num primeiro olhar, essas palavras podem parecer complicadas, porém os alunos que estavam na sala de aula reproduziram com facilidade as expressões em alemão que significam “desculpa”, “ muito obrigado” e “boa tarde”, respectivamente. O coordenador do International Office explicou a diferença dos sons de algumas palavras em alemão, como “löwe” que significa “leão” e não tem sonoridade próxima de qualquer palavra em português. Os alunos imitavam a pronúncia do professor, que pedia para eles repetirem a palavra se ela não fosse pronunciada corretamente.

Os universitários que participaram da oficina de alemão aproveitaram a oportunidade de entrar em contato com o idioma, e às 19 horas deixaram a aula satisfeitos. Aluna de Design Gráfico, Patrícia Matos saiu animada e gostou da forma como Rodembusch ensinou alemão. “É importante aprender um idioma. Depois de me formar, tenho planos de fazer um curso de línguas. O jeito que o professor deu a aula me ajudou a entender o que ele estava ensinando”, concluiu. Rodembusch falou sobre a necessidade de estudar outra língua, além do inglês. “Não é difícil. É preciso apenas ter interesse e empenho”, disse o professor, que adiantou que a UniRitter pretende realizar mais eventos como a International Week.

Este slideshow necessita de JavaScript.