Alunos da UniRitter entregam doações do Trote Solidário

Donativos arrecadados entre os estudantes foram destinados a instituições que atendem as comunidades do entorno dos campi da Instituição

Texto | Gabrielle Cruz
Fotos | Gabrielle Cruz e Carolina Cesa
Edição | Liliane Pappen

Mais do que promover a interação entre veteranos e calouros, o trote universitário é, também, a oportunidade perfeita para exercitar a cidadania e apresentar aos novos alunos indícios das mudanças que a futura profissão pode oferecer. Pensando nisso, a UniRitter propôs aos calouros do primeiro semestre de 2019, trotes que excedem a recepção aos campus: disseminam a solidariedade.

Desde que as aulas começaram, em fevereiro, o Trote Solidário virou assunto entre os universitários. E já no início de abril, os ótimos resultados das ações foram conhecidos. Além da Marmita Solidária, que serviu 300 refeições aos atendidos no Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família CRAS, no bairro Guajuviras, e no Albergue Municipal de Canoas, no último dia 26 de março, integrando calouros e veteranos do Curso de Gastronomia, outras atividades também envolveram os alunos dos Campi Fapa, Zona Sul, Iguatemi e Canoas. Com apoio do Departamento de Marketing da UniRitter, as três equipes envolvidas no projeto Trote Solidário arrecadaram alimentos, material escolar e ração para pets, beneficiando entidades de Porto Alegre e Região Metropolitana.

As entregas das doações ocorreram durante a primeira semana de abril. Na terça-feira (02/04), os estudantes que participam do projeto de extensão Metamorfose, coordenados pela professora Lucianna Schmitt, entregaram o material escolar na Escola de Educação Infantil Boa Esperança, que fica no Centro Comunitário da Vila Orfanotrófio (CENCOR), ao lado do campus Zona Sul. Mais de 200 itens, entre eles 80 cadernos e 56 caixas de lápis de colorir, foram entregues. Na quarta-feira (03/04), foi a vez da professora Ilusca Finger acompanhar o grupo de alunos durante a entrega dos 77 quilos de ração arrecadados à Associação de Proteção Animal Parque dos Maias. Finalmente, na quinta (04/04), os alunos, acompanhados pelo professor Tiago Paiva, da Liga de Saúde Coletiva, visitaram o Lar de Idosos São José, em Canoas. Na oportunidade, foram doados os mais de 70 quilos de alimentos arrecadados durante o Trote Solidário.

Coordenadora do Curso de Farmácia, Siomara Monteiro, que é responsável pelo Núcleo de Extensão e Responsabilidade Social da UniRitter, avaliou positivamente as ações e destaca que outras atividades semelhantes devem ocorrer durante o ano. “As ações sociais são uma prática constante na instituição. Esta é a primeira de muitas iniciativas previstas para o ano de 2019”, pontuou.