ADA finaliza Semana Fashion Revolution na UniRitter

Criadoras da marca dividem sua experiência em aula aberta

TEXTO | Maíra Bernardes
FOTO | Paula Fabyolla

O último dia da Semana Fashion Revolution da UniRitter, promovida pelo Design de Moda, apresentou uma aula aberta para despertar, nos alunos, a vontade de construir um projeto empreendedor. O evento ocorreu no campus Zona Sul.

A marca ADA foi criada por Camila Puccini, ex-aluna de Design de Moda e Design Gráfico da UniRitter, e Melina Knolow, formada em Ciências Políticas e Jornalismo. Em exatamente uma semana, em 2016, elas estruturaram toda a marca com apenas R$ 3 mil. A ADA é uma marca minimalista, sustentável, inclusiva e feminista – todas as peças têm o nome de feministas com uma breve história delas. São nove mulheres que trabalham no ateliê em funções como social media, administração, costura, corte, venda, entre outros. A marca, em seu perfil no Instagram, destaca cada uma dessas mulheres. Além disso, a loja é totalmente virtual e produz quantidades limitadas.

Um dos maiores desafios, segundo as empresárias, é achar matéria-prima totalmente sustentável. Com apenas três anos de existência, a ADA tem seus maiores consumidores em São Paulo – Porto Alegre está em segundo lugar. A consumidora pode escolher a roupa de acordo com sua estatura e sua altura. Todas as peças são feitas de pique, que é a malha de polo, 100% orgânicas e veganas. Além disso, a consumidora montar uma roupa exclusiva.